Conciliação bancária inteligente: o que é e quais os benefícios?

26 agosto 2019
Entenda o que é conciliação bancária, como otimizar esse processo e quais os benefícios sua empresa pode ter com esta prática.

O dinheiro em papel está se tornando cada vez mais obsoleto no varejo. Hoje em dia, o consumidor pode encontrar diversas opções de meios de pagamento como QR Code, NFC, carteira digital, entre outros. Porém, o método mais usado continua sendo o cartão de crédito, que impõe um grande desafio de gestão financeira aos lojistas: a conciliação bancária.

Mais adiante, iremos explicar detalhadamente do que se trata, mas antes, vale a pena considerarmos o levantamento feito pela Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços),que representa o setor de meios de pagamento.

Em 2019, os pagamentos com cartões de crédito e débito no Brasil devem somar R$ 1,8 trilhão, o que representa um aumento de 16% em relação ao ano anterior. As transações com cartões somaram R$ 1,55 trilhão em 2018, o melhor desempenho desde 2014, além de ser um volume 14,5% maior do que o registrado em 2017.

Os números mostram a tendência de crescimento e a preferência dos brasileiros pelo uso do cartão de crédito e débito. E as empresas, por sua vez, precisam se adaptar às novas formas de recebimento, bem como ao acompanhamento, registro e claro, a conciliação bancária, tema principal deste artigo.

Leia também: Como evitar fraude de cartão de crédito?

O que é conciliação bancária?

A conciliação bancária consiste em conferir e cruzar dados disponibilizados pelas operadoras referentes às compras realizadas na sua empresa através de cartão de crédito e débito, e verificar se existem disparidades entre os valores recebidos, prazos estabelecidos e descontos cobrados.

Por meio da conciliação, é possível identificar inconsistências, defeitos e até fraudes que podem acontecer nas transações, além da empresa ter uma visão ampla de todos os valores e taxas cobrados pelas adquirentes e bandeiras, sabendo também quanto e quando será depositado, permitindo um controle maior dos recursos financeiros, que acabam favorecendo o crescimento do negócio como um todo.

Entre o pagamento do cliente e o recebimento pela empresa podem acontecer falhas que, muitas vezes, fazem com que o dinheiro não chegue ao destino final. Os erros neste caminho podem ser minimizados pela conciliação bancária.

Conciliação bancária inteligente: do que se trata?

Você já entendeu o que é conciliação bancária, certo? Agora imagine fazer todos os processos mencionados anteriormente de forma manual. No varejo, o volume de vendas é alto. Já imaginou ter que cruzar dados de todas as transações, uma por uma, conferindo valores, prazos, descontos e taxas, além de se atentar à cancelamentos, fraudes e chargebacks, manualmente?

Além de ser demorado e cansativo, a conciliação tradicional aumenta as chances de erros e falhas humanas, o que não acontece na conciliação bancária inteligente, onde todo o processo é otimizado. Através do uso da tecnologia, os extratos dos cartões são verificados, todas as vendas são analisadas e os erros, inconsistências e demais problemas são prontamente identificados.

Empresas que deixam de lado a conciliação, e ainda ignoram o uso da tecnologia nesta prática, costumam enfrentar problemas no fluxo de caixa, no controle de pagamentos e recebimentos e, consequentemente, em toda a gestão financeira.

Através da conciliação bancária inteligente, é possível que você identifique divergências instantaneamente e elimine a possibilidade de erros, de forma muito mais segura e confiável em relação às planilhas, por exemplo. Sem falar na praticidade e agilidade no uso destas ferramentas digitais.

Quais os benefícios?

Agora que você já entendeu o que é conciliação bancária, e a importância de otimizar esse processo, confira os principais benefícios para o seu negócio:

1. Otimização de tempo e aumento da produtividade: com a conciliação bancária inteligente, conferências que costumam levar dias, são feitas em poucos minutos. Assim, o seu departamento financeiro produz mais e pode se preocupar com assuntos mais importantes: reduzir custos e aumentar lucros, por exemplo. O que acha?

2. Relatórios eficientes: você já economizou tempo, então sobra mais para a sua equipe gerar relatórios, que podem ser obtidos fácil e rapidamente através de um sistema ou plataforma online. Chega de caminhar para o lado errado. Com dados e informações consistentes, sua empresa vai acelerar rumo ao sucesso.

3. Controle do fluxo de caixa: através desse tipo de conciliação, é possível ter uma visão precisa da entrada e saída de dinheiro, analisando o melhor período para investimentos, financiamentos e ajustes contábeis, contribuindo para uma gestão financeira eficiente.

4. Redução de imprevistos financeiros: a conciliação bancária atua na causa dos problemas e antecipa a solução de cancelamentos, fraudes e chargebacks, além de reduzir os erros humanos através da automatização de processos por meio da tecnologia.

5. Segurança financeira: no controle de todas as suas movimentações, é possível fazer um planejamento financeiro de médio e longo prazo, essencial para a saúde financeira do negócio.

Conclusão

É isso! Esperamos que você tenha chegado à conclusão de que a conciliação bancária inteligente é essencial para uma gestão financeira eficiente, seja qual for o segmento da sua empresa. Como você viu, a grande aliada da conciliação é a tecnologia, que torna mais ágil e confiável esta atividade tão importante para as finanças dos negócios.

E para uma conciliação eficiente, sua empresa precisa de uma solução digital completa. E com isso, nós podemos ajudar. Saiba mais!

Categorias

Saiba das novidades
Os meios de pagamento evoluem a cada dia,
nossa solução também.